BLOGGER TEMPLATES AND Gaia Layouts »

21 de out de 2011

Julgamento Conrad Murray: oitavo dia





Me parece que o dia de ontem não tem muita coisa para ser discutida, mas o pouco que teve será mais do que suficiente para refletir o dia inteiro.

Antes de começar,

Quero dar destaque para uma mensagem da La Toya em seu twitter.

Aliás, eu achava que celular, câmera e demais coisas fossem proibidas em um Julgamento.

Não deveria?

Tsc!

Então La Toya diz:



“Tenho recebido atualizações do #TribunalMurray tanto que eu estou preocupada, pois já sabemos o veredito. Eu gostaria de poder estar lá, mas …”

Oi?

“…eu estou preocupado pois já sabemos o veredito.”

Primeiro: como ela já sabe o veredito se ainda falta 3 semanas?

Segundo: quando ela diz que está “preocupada”, é porque o veredito não é algo bom. E se não é algo bom, o que você acha que irá acontecer?

#reflita seriamente sobre isso 

Quero falar sobre uma “fofoca” que saiu por ai, e que deixou muitos fãs do Michael preocupados.

Não sei o porquê, pois é apenas um “boato”.

Eles dizem:

“Impressões digitais de Michael Jackson não estavam nos frascos de propofol encontrado em seu quarto, a ABC News noticiou com base em entrevistas com fontes anônimas próximas à investigação”

Nossa!

“…fontes anônimas próximas à investigação”

Se isso fosse realmente real, acho que teria sido o assunto do dia já que ONTEM a legista deu seu depoimento, e nada disso foi comentado.

Devemos dar muita ênfase no depoimento da legista, porque ontem assinou sozinha a sua carta de demissão e incompetência.

E isso meu caro muda tudo.

Por que?

Porque ela CONSEGUIU ajudar Murray.

Não preciso ter um diploma de direito, para poder enxergar o que está ÓBVIO!

Elissa Fleak: legista



Advogado de defesa aponta erros no trabalho de legista de Michael Jackson

Um dos pontos questionados por Chernoff foi o motivo da legista ter destruído suas anotações originais do dia 25 de Junho, data em que Michael Jackson morreu, após fazer o relatório, e não seguir com o protocolo com as notas do dia 29 de Junho.

A legista se justificou dizendo que “destrói as notas de todos seus casos”, mas que especificamente no dia 25 “havia muito mais informação do que o usual” de produtos médicos e remédios, por isso manteve os registros.

Chernoff ainda apontou alguns detalhes esquecidos por Fleak, como a ausência de imagens de um frasco de Flumazenil que a legista disse ter encontrado no chão perto da ampola de Propofol, e também a falta de registros e memória de Fleak ao não conseguir apontar onde encontrou luvas de látex.

O fato da legista não ter anotado especificamente que encontrou um frasco de Propofol dentro de uma sacola de soro, e apenas lembrar do fato verbalmente. O advogado também bateu na tecla da legista ter acidentalmente deixado suas digitais em uma seringa encontrada na mesa de Jackson, e na confusão de Fleak ao diferenciar agulha de catéter em um relatório que ela teve que rever.

Ed Chernoff também tentou perguntar a Fleak sobre os motivos dela rever seu relatório em março de 2011, depois que o julgamento foi convocado, e fazer algumas alterações nas anotações. No entanto, a promotoria pediu objeção à pergunta, e a testemunha não teve que respondê-la.

A promotoria tentou amenizar o caso, perguntando se ela já fez uma investigação perfeita na vida, e Fleak respondeu que não. O promotor Dave Walgren então perguntou se é recorrente a legista rever alguns casos e ver o que podia fazer diferente, e ela respondeu que sim. Walgren então perguntou se ela deu seu melhor no trabalho, e recebeu outra resposta positiva de Elissa.

Uma coleção de frascos de remédios estavam expostos no criado-mudo ao lado da cama de Michael Jackson, no dia de sua morte, em 25 de junho de 2009. A descrição foi feita pela investigadora Elissa Fleak, que examinou o quarto do popstar.

O médico é acusado pelo homicídio culposo – quando não há intenção de matar – de Michael. Entre os remédios, havia vários sedativos como Diazepam, Lorazepam e Temazepam, entre outros.

Elissa também contou que achou uma sacola azul com frascos do anestésico Propofol.

Fonte: TMZ

Damn!

Precisamos mesmo discutir sobre isso?

“A promotoria tentou amenizar o caso, perguntando se ela já fez uma investigação perfeita na vida, e Fleak respondeu que não”

“..e Fleak respondeu que não”
Oh God!

A própria promotoria tentou favorecer Michael diante dos erros absurdos da legista, mas mesmo assim ela não conseguiu amenizar a sua incompetência.

FOCO! 

O promotor Dave Walgren então perguntou se é recorrente a legista rever alguns casos e ver o que podia fazer diferente, e ela respondeu que sim.

“..e ela respondeu que sim”
Desculpa, mas eu ri.

“O advogado também bateu na tecla da legista ter acidentalmente deixado suas digitais em uma seringa, encontrada na mesa de Jackson”

MEU DEUS!

Como uma legista me deixa suas impressões digitais em um objeto de um crime?

Ela não deveria estar usando luvas?

Lembra de quando falei acima sobre as impressões de MJ, terem sido encontradas na seringa?

Como podem ver, eram as impressões da legista que estavam (risos)

Ai!

Legista de MICHAEL JACKSON cometendo tantos erros. Imagina se fosse um “Zé Ninguém”!?!?!

Como uma legista destrói suas anotações de uma cena do crime, e diz que isso é “normal”?

Ela afirma que tinha propofol no quarto, mas não tem prova alguma para confirmar a posição em que a seringa se encontrava. Ela apenas “se lembra…”

Os remédios encontrados seriam esses:





Funny!

Não encontrei na lista o remédio Demerol, que teria sido lá no começo a causa da morte de Michael, e que tem sido denotado como um dos vícios de Michael.

O que aconteceu com o Demerol? Acho que você já sabe a resposta, nós já falamos sobre isso aqui.

Mas voltando a legista..

Cerca de um ano atrás ela disse isso:

Elissa Fleak diz que duas garrafas estavam no quarto onde MJ morreu, e os outros 10 estavam em um armário próximo. Uma das garrafas de Propofol, encontrada na sala da cabeceira estava vazia.

Agora ela diz:

Uma coleção de frascos de remédios estavam expostos no criado-mudo ao lado da cama de Michael

Opa!

Olha a contradição..

Antes 10 medicamentos estavam em um armário do quarto de Michael, e apenas uma garrafa de propofol estava na cabeceira da cama, e agora ela diz que existia uma coleção de remédios no criado-mudo da cama de Michael?

Antes não existia apenas o PROPOFOL ao lado da cama?

Damn!

Isso pode ser um simples erro, mas as coisas são investigadas exatamente para evitar uma condenação equivocada.

E claro que tendo como base o depoimento excelente da legista, esse simples erro dela parece tão “simples”

Estava vendo ontem o Julgamento e também percebi outra coisa: a cena do crime foi mudada.

Infelizmente eu perdi a imagem disso, mas acho que não teria motivo para inventar tal coisa, até porque o mesmo erro se repetiu durante o depoimento da cozinheira.

O objeto azul que estava na cama de Michael com a função respiratória, antes estava no chão do quarto de Michael, conforme foi divulgado na primeira foto do quarto dele. Nós já falamos sobre isso aqui, no post do quarto dia do Julgamento.

Agora por um passe de mágica, o objeto voltar a ser colocado no chão! Se igualando assim com a primeira foto que foi divulgada na mídia

= mudança na cena do crime

Bem,

Se você realmente acha normal esses erros, então quem sou eu para questionar!?

Wake up! 

A defesa de Murray agradece.

Estive vendo também sobre as fotos localizadas no quarto de Michael, e mais uma vez vemos a presença da “mensagem” de Michael.

Ele realmente queria salvar as crianças..



Podemos observar inúmeras fotos de crianças no quarto de Michael, assim como o símbolo de “Heal The World”

= MENSAGEM DE MICHAEL

Quem acompanha o Julgamento AO VIVO, já deve ter percebido que quando o Juiz anuncia o horário de almoço ou uma pausa, a cena é cortada e aparece a logomarca do Tribunal da Califórnia.

A imagem é formada por 31 estrelas que representam os 31 Estados da CA.

E dai?

E dai que o símbolo que aparece no Julgamento do Murray possui 32 estrelas, e não 31 estrelas conforme o original

= FALSO!?!?



Você pode até considerar isso como um simples erro, mas se tratando de um símbolo do Estado, acho que réplicas não deveriam ser erradas.

Aliás isso me lembrou da autópsia do Michael Jackson, que também tinha erros na logomarca.

Se lembra? Eles usaram uma logomarca de 5 anos atrás…

Hmmm…

Quero compartilhar um video do Julgamento, mas que achei extremamente interessante.

O video mostra o tribunal do lado interno, que foi mostrado durante Julgamento de Murray. O engraçado disso tudo e que a câmera interna está balançando, além do local estar completamente vazio.

Se isso é AO VIVO, como que um Julgamento de Michael Jackson estaria tão vazio?

Mesmo se a câmera é DURANTE o Julgamento, ainda assim é estranho esse ambiente tão quieto.

Se isso é AO VIVO, como que a câmera não para de balançar? Isso é uma câmera INTERNA do prédio.

Analise seriamente esse video:









Nesse outro video vemos a parte interna do Tribunal, e em menos de 5 segundos eles cortam o sinal

Oi?






Aliás, esse ambiente não parece ser o mesmo apresentado todos os dias

Perguntas!

- Por que um Tribunal tão vazio em um Julgamento de um ídolo mundial?

- Por que ninguém consegue ver as pessoas envolvidas nesse tribunal como Juiz, advogados, família, Murray, testemunhas? Nem no horário de almoço eles aparecem.

- Por que quando aparece o Tribunal dentro, não vemos qualquer indicio de papéis, objetos e etc? E por que aparece tão rápido, não mostrando assim o resto da sala que vemos todos os dias?

E o pior!

A família de Michael Jackson apareceu chegando apenas nos dois primeiros dias, e depois disso ninguém mais viu eles chegando ao Tribunal.

Estou aqui pensando sobre o Twitter da La Toya que disse que gostaria de estar lá no Tribunal, mas que não pode estar presente.

Claro que eles irão falar que eles saíram pelos fundos, ou que supostamente estão almoçando dentro do Tribunal, mas que eles sumiram diante das câmeras, isso é óbvio.

Estou errada?

Quem acompanha a HOAX DEATH de Michael desde o começo, sabe que cansamos de discutir sobre a possibilidade do enterro ter sido gravado.

Enfim,

Lembre se de manter a serenidade nos dias de contrariedade

Ou como poderá provar depois que estava certa?

Michael is alive! 


Fonte: Mulheres Luxo

0 Comments:

Post a Comment